Tradução jurídica: é necessária a contração de um advogado?

Saiba quais são os trâmites recomendados para obter uma tradução jurídica de qualidade

Num mundo cada vez mais globalizado, dominar um segundo idioma – principalmente o inglês – é quase um pré-requisito para qualquer profissão. 

Seja para conseguir se comunicar com outros profissionais, para absorver conhecimento ou até mesmo para atuar em determinadas áreas que exigem tal habilidade, o fato é que ser bilíngue abre muitas portas no mercado profissional. 

Essa realidade não seria diferente no cenário jurídico, uma vez que processos internacionais são corriqueiros e exigem que os profissionais estejam preparados para lidar com tais demandas. 

Contudo, embora ser um advogado bilíngue abra muitos caminhos no âmbito profissional, nem sempre traduzir os documentos jurídicos sozinhos é a melhor opção. 

Para isso, existe a tradução jurídica, serviço especializado que visa tornar mais fácil e simplificada essa tarefa. 

O que é tradução jurídica? 

Como o próprio nome sugere, a tradução jurídica é destinada a conteúdos de cunho técnico, que possuem terminologias, linguagens e expressões características do Direito. 

Trata-se, portanto, de um tipo de tradução que requer que o profissional responsável pelo serviço possua conhecimentos específicos na área, a fim de garantir que o documento esteja legível e com sentido para aqueles que o receberão. 

Em quais casos ela pode ser necessária? 

São muitas as razões pelas quais alguém pode solicitar um serviço de tradução jurídica. A começar por processos internacionais que têm como base fatos e ocorrências que não aconteceram no país em que está sendo julgado. 

Além disso, esse tipo de tradução destina-se basicamente a todo e qualquer documento que possa ser usado como base para decisões legais. Dentre os mais comuns, podemos destacar: 

  • Ações judiciais; 
  • Contestações;
  • Certidões; 
  • Declarações;
  • Defesas;
  • Escrituras;
  • Legislações
  • Petições;
  • Procurações;
  • Medidas cautelares;
  • Sentenças;
  • Dentre outros.

Que profissional está apto a realizar esse tipo de tradução? 

Embora seja comumente confundida com a tradução juramentada, a tradução jurídica deve ser realizada por um tradutor técnico e/ou jurídico especializado na área de direito. 

Tal profissional precisa conhecer a fundo terminologias relacionadas a leis, normas, processos judiciais, instruções jurídicas, além do total domínio de ambos os idiomas envolvidos na tradução. 

Em determinados casos, é igualmente fundamental que o tradutor tenha conhecimento cultural e social dos países envolvidos nos trâmites, a fim de facilitar a compreensão das informações e garantir que elas sejam transmitidas de forma clara e precisa.

É importante ressaltar que, para que a tradução jurídica tenha validade legal perante a lei, os documentos precisam ser atestados por um tradutor juramentado, ou seja, devem conter a validação de um profissional concursado e dotado de fé pública. 

No entanto, este processo só é necessário caso o documento precise ser apresentado para fins oficiais. Caso contrário, apenas a tradução já é suficiente.

Preciso de um advogado para acompanhar o processo? 

documentos jurídicos

Embora os tradutores jurídicos tenham a competência necessária para executar a tarefa sem maiores intercorrências, é normal sentir insegurança quanto ao resultado, uma vez que se trata de um documento oficial e qualquer erro pode gerar um problema ainda maior. 

Nestes casos, contar com o auxílio de um profissional para checar se as informações traduzidas estão fazendo sentido e se estão de acordo com o documento original pode ser uma saída para evitar divergências e possíveis erros. 

Contudo, ao escolher profissionais de confiança para traduzir seus documentos jurídicos, é importante se certificar de que os mesmos são aptos para realizar a tarefa, sem você precisar se preocupar com revisões ou refações. 

Pesquise sobre a reputação da empresa, peça recomendações e referências para parentes e amigos e não se esqueça de conferir as avaliações de outros clientes antes de fechar negócio com a empresa de tradução. 

Opte sempre por profissionais especializados com experiência de mercado, que utilizem ferramentas modernas e, principalmente, alinhados com suas expectativas e prazos de entrega.

Qual a importância de uma tradução jurídica bem feita?

Dentre os diferentes tipos de tradução, sem dúvidas, a tradução jurídica é uma das modalidades mais complexas e que apresentam mais desafios para o profissional que atua nesta área. 

Isso porque, para além de se ater aos termos específicos, é preciso que o tradutor tenha conhecimento dos diversos sistemas jurídicos e uma enorme capacidade de interpretação e adequação da linguagem. 

A tradução de um documento jurídico mal executada pode resultar não só em atrasos no processo e prejuízos financeiros, como também pode alterar o resultado de processos judiciais, tornando a resolução menos vantajosa para o solicitante. 

Afinal, ninguém quer que sua solicitação ou pedido seja indeferido, seus acordos comerciais sejam negados e tampouco, que as causas para as quais se dispôs a lutar sejam perdidas por um erro de tradução. 

Para evitar tais situações, nada melhor do que contar com profissionais capacitados, com experiência de mercado e que estão prontos para receber sua demanda e entregar com a qualidade, eficiência e precisão que você necessita. 

A Click Traduções oferece essas e muitas outras vantagens para quem precisa de tradução técnica, jurídica e tradução juramentada. 

Entre em contato com a nossa equipe e solicite seu orçamento. Ficaremos felizes em ajudá-lo(a)!



Open chat